Fazendo graça com Graça

Hoje falamos de Palhaços a serviço do Reino, ou seja, como usar o humor e a figura do palhaço para transmitir valores cristãos.

Assista ao Livestream abaixo ( aprox. 1 h 30 min ).

Palhaçada!

No Brasil os palhaços cristãos começaram com o trabalho do palhaço Bozo (Arlindo Barreto), após ter se convertido.

Na Temporada de Verão MPC de 2001, Mark Mekelburg – líder de MPC Portugal e Operação Nariz Vermelho (equivalente aos Doutores da Alegria) – nos trouxe a idéia, e de lá pra cá só fomos aumentando as fileiras de palhaços cristãos no Brasil.

Terra dos Palhaços

Em meados de 2004 já haviam vários palhaços cristãos profissionais e houve a necessidade de agrupar este povo. Numa iniciativa da MPC (Mocidade Para Cristo) e JV (Jovens da Verdade) surgiu o Ministério Terra dos Palhaços (MTP), um movimento interdenominacional com o objetivo de agrupar os palhaços cristãos e compartilhar o conhecimento sobre técnicas, materiais, equipamentos, fornecedores, etc.

Hoje em dia, além de palhaços o MTP abraça Bonecos Humanos, Manipuladores de Bonecos, Contadores de História e artistas circences em geral. Anualmente acontece um encontro para esta finalidade, o próximo faremos em Curitiba, no final do mês de Setembro de 2011.

Site: http://www.terradospalhacos.org.br/

Clown ou Palhaço?

Apesar das diferenças de nomenclatura, no Brasil encontramos os seguintes tipos de palhaço:

Palhaço Tradicional – Usa roupas clássicas de Circo, maquiagem e nariz vermelho. Sempre com a postura cômica e muito versátil, trabalha sozinho, em duplas ou trupes. Ex: Carequinha, Bozo, Arrelia.

Palhaço Contemporâneo – Mantém a postura do tradicional mas nem sempre usa todos os elementos, às vezes sem maquiagem, outras só com alguns adereços.

Clown –  Usa bastante elementos de contraste: preto/branco, alto/baixo, etc. A exemplo de Marcel Marceau, um dos mais talentosos contemporâneos, o clown usa a arte da Pantomima (mímica) e adota uma postura cômica do ridículo, exagerando nos movimentos e explorando o espaço e o corpo com objetos imaginários ou não. Geralmente é mudo, mas nem todos, trabalha em duplas ou trupes, mas também há os solos. Ex: Gordo e Magro, Os Três Patetas, Charlie Chaplin, Marcel Marceau.

Links

Fotos

Texto originalmente postado em: http://clebersa.com.br/twitcam/fazendo-graca-com-graca/

Sem Comentários

Comente

© 2001-2014 DJIO - Dionízio Bonfim Bach